Profissionais esclarecem dúvidas sobre como escolher o tipo ideal de janela para cada projeto

As janelas são elementos indispensáveis para a estrutura de uma casa ou apartamento. Elas são responsáveis pela ventilação e iluminação natural dos cômodos, além da sua participação direta na segurança do imóvel. Janelas contam também com a função de conectar o interno e o externo, já que possibilitam a extensão do olhar para a paisagem, sem contar que contribuem para a estética das fachadas.

Como escolher uma janela? O que dever ser levado em consideração na hora da compra? São perguntas comuns no momento de decidir o modelo certo para a composição do projeto. Pensando nisso, os arquitetos Renato Andrade e Erika Mello, do escritório Andrade & Mello Arquitetura, e o arquiteto Pietro Terlizzi, do escritório que leva o seu nome, reuniram observações para explicar sobre esse item indispensável para todos os tipos de imóveis. Confira:

O que é uma esquadria?

A esquadria é toda a estrutura da janela. | Projeto Pietro Terlizzi | Foto Guilherme Pucci

Todo mundo já viu uma esquadria! Ela é a moldura de todas as aberturas em uma construção, ou seja, janelas, portas e portões contam com uma esquadria. “Trata-se de elementos estruturais para a arquitetura de um imóvel e podem ser fabricadas em diversos tipos de materiais como madeira, alumínio, ferro, aço ou PVC. Certa oportunidade, já trabalhei com bambu para uma obra ecológica”, conta o arquiteto Renato Andrade.

Quais as vantagens e desvantagens dos principais materiais?

A escolha do material da janela deve levar em consideração as prioridades da obra. A madeira oferece um ótimo isolamento térmico e acústico, mas exige uma manutenção regular, o que eleva o custo. As peças de alumínio e aço são as mais procuradas no mercado, pois proporcionam um bom custo-benefício e não demandam tanto cuidado. O ferro é indicado para lugares longes das regiões litorâneas, representa um custo elevado na obra e necessita de manutenção constante. Já esquadrias de PVC são extremamente duráveis e praticamente dispensam cuidados. “No Brasil, as esquadrias de alumínio e aço são as mais comuns e procuradas. Na maioria dos projetos que executo os próprios clientes optam por elas”, compartilha o profissional Pietro Terlizzi.

Como escolher o modelo para o meu apartamento? E para minha casa?

Cada ambiente pede um tipo de janela, então é importante entender as necessidades de cada um. Quando se trata de apartamento, a janela deve atender as especificações do condomínio, já que estão à mostra na fachada do prédio e seguem um padrão. “Quando você mora em um apartamento, as regras do condomínio devem ser seguidas à risca”, reforça Erika Mello.

Para as casas, o modelo janela pode seguir as preferências do cliente. Com relação à instalação, é imprescindível seguir as orientações indicadas pelo fabricante. Algumas janelas utilizam o contramarco e outras podem ter a espuma de poliuterano, então é necessário ir além da percepção técnica. “Um profissional especializado é fundamental para o sucesso do projeto”, afirma Andrade.

O que deve ser observado na hora da compra? E como funciona a manutenção e limpeza?

É importante consultar a certificação da janela, como o selo do Inmetro, que assegura o atendimento total às normas técnicas nacionais. Antes de realizar a compra, é imprescindível conferir as medidas da esquadria com o vão onde será instalada.

A manutenção sempre dependerá do material escolhido, mas é importante fazer uma observação periódica. A limpeza deve ser regular, independente do material.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.